Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » 28 de abril: Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes do Trabalho. Manifestações e atos públicos no Recife


folha limoeiro 14:38:00 0

Em continuidade ao calendário de lutas contra o golpe, em defesa da democracia e das conquistas sociais, a CUT-PE, o MST, o Fetape, além dos movimentos sociais, estudantis e partidos de esquerda, integrantes da Frente Brasil Popular de Pernambuco (FBP) realizam nesta quinta-feira (28), ato público, a partir das 09h, em frente à Federação das Indústrias de Pernambuco (FIEPE), na Avenida Cruz Cabugá, bairro de Santo Amaro. Além disso, haverá outro ato público com panfletagem de denúncias (Dia Mundial) das doenças e acidentes de trabalho em Pernambuco, às 15h, na Pracinha da Independência, Centro do Recife.

Neste dia 28 de abril, o movimento sindical  cutista e movimentos sociais irão  às ruas para chamar a atenção da sociedade para a tentativa de retirada de dispositivos de proteção social, que trarão como consequência o agravamento do já crítico quadro de precarização do trabalho no Brasil e, certamente, aumentarão os já elevados números de acidentes e doenças de trabalho registrados a cada ano. Somente no ano de 2013, segundo o Anuário Estatístico da Previdência Social, ocorreram no Brasil 717.911acidentes de trabalho. Desses 2.797 resultaram na morte de trabalhadores e 14.837 causaram invalidez permanente

Para a Organização Internacional do Trabalho – OIT, Trabalho Decente é aquele que pressupõe “… a promoção permanente das Normas Internacionais do Trabalho, do emprego, da melhoria das condições de trabalho e da ampliação da proteção social…”Contudo, nos últimos anos, o empresariado brasileiro, sob o pretexto de melhora nas condições de competitividade do mercado, tem lançado mão das mais variadas estratégias, para conseguir seu intento de reduzir os custos de produção por meio da precarização das condições de trabalho.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga