Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » Medalha de Honra ao mérito aos melhores alunos da Escola Otaviano Basilio


folha limoeiro 01:36:00 0

O projeto “EU TAMBÉM TENHO DIREITO, PROFESSOR” desenvolvido pelo o Delegado de Policia de Limoeiro, Dr. Jean Rockfeller em parceria com a Secretaria de Educação de Limoeiro na pessoa de sua secretaria, Rosejara Ramos, onde teve inicio com a escola Municipal Otaviano Basílio por um dos maiores índices de violência nas escolas, inclusive com três arrombamentos acontecidos na escola.

E hoje este projeto reduziu sensivelmente os índice daquela escola passando a ser uma das mais disciplinadas.  E nesta tarde de terça-feira (31), 54 alunos da Escola Municipal Otaviano Basílio, foram premiados com medalhas e certificados de Honra ao Mérito pelo desempenho escolar no Iº Bimestre de 2016.

Pais, alunos professores e todos os presentes poderão se emocionar com os alunos e familiares na hora das suas premiações.


Palavras do Delegado:

EU TAMBÉM TENHO DIREITO

Hoje nosso sonho se materializou. Nosso projeto visa basicamente fornecer os elementos básicos para que o professor possa fazer o que ele sabe fazer melhor, que é ensinar. Nós acreditamos que professor não tem que ficar tentado resolver os problemas dos outros. Professor não é polícia para ficar lidando com criminoso dentro de escola; professor não é padre, nem psicólogo para ficar dando conselho a ninguém; professor não tem que educar filho de ninguém, quem tem que educar os pequeninos são seus pais. Porém, nós temos visto diversas ações tentando colocar nas costas do professor obrigações de outras pessoas. Eu entendo que está errado. Professor tem que se preocupar em transferir conhecimento para que a criança se torne um engenheiro, médico, empresário, cientista,.., esta é a missão primordial do professor. Qualquer outra coisa é placebo.

A ideia da ação é fornecer a segurança mínima para que o professor possa desempenhar suas funções. Por isso, nós entramos na escola e tentaremos investigar qualquer indício de crime dentro das escolas, vamos nos aproximar dos alunos e professores. Vamos simplesmente tentar limpar a escola. Paralelamente, vamos premiar os melhores alunos. Hoje por exemplo foi um dia muito abençoado na nossa seccional, pois conseguimos caminhar um pouco mais no nosso projeto, entregamos diversas medalhas e certificados para os melhores alunos de um escola municipal de Limoeiro-PE.

Hoje eu estava esperando uma resposta fria dos alunos. Me enganei. Senti este medo por causa da propaganda de uma pequenina parcela da sociedade, que demoniza a polícia. Na verdade eu fiquei com medo de não ser bem recebido. Mas foi o contrário. Foi muito bom ver a alegria dos pais presenciado seus filhos sendo premiados como os melhores da escola, a alegria do pequeninos recebendo as premiações. Hoje senti que a guerra contra o crime não está perdida, dá pra ganhar. Dá pra calar aqueles que só falam e nada fazem; dá pra calar aqueles que querem usar as escolas como trampolim ideológico para suas maluquices; dá para premiar o bom, porque ele é inteligente e não apenas porque ele foi assíduo as aulas ou contou uma historinha ou isso ou aquilo sem nenhuma importância no mundo dos vivos; dá simplesmente para fazer diferente, nem melhor, nem pior, apenas diferente; dá para mudar a vida das pessoas para melhor.

Mas Será que nossa ação vai conseguir sobreviver? Não sei. Mas a felicidade que pude ver nas crianças e no seus pais hoje, me fez sentir esperança, coisa que eu achava que não tinha mais. Esperança de um Brasil melhor é realmente mais igual. Como é bom sentir que você venceu uma batalha contra aqueles que só falam e nada fazem para mudar a vida dos outros. Como é bom. 😊😊😊

Hoje foi só o começo, vamos fazer muito mais ações e vamos mudar a realidade de muito mais jovens que querem apenas uma oportunidade de vencer na vida. Não vamos apenas continuar prendendo bandido, que é muito importante também (é bom ressaltar que em 5 meses à frente da 16 seccional, já passamos das 100 prisões só da polícia civil), mas Vamos também quebrar esta máquina de fazer bandido que tem se tornado as nossas escolas. Escola é morada para os bons e eles têm nome: alunos e professores. Escola Não é local para bandido. Lugar de bandido é na cadeia.

Vamos em frente, com a convicção de que é possível sim mudarmos o nosso país.

Dr. Jean Rockfeller

Delegado de Policia Civil de Limoeiro




















«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga