Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » » São Paulo: 18 estudante morrem após ônibus capotar na Mogi-Bertioga


folha limoeiro 18:09:00 0




Mais duas estudantes não resistiram aos ferimentos e morreram na manhã desta quinta (9)
Por: Diário SP Online
portalweb@diariosp.com.br


Teto do coletivo ficou totalmente destruído / Reprodução/TV Tribuna 
Subiu para 18 o número de mortos no acidente envolvendo um ônibus que capotou no km 84 da Rodovia Mogi-Bertioga, no final da noite desta quarta-feira (8). 28 ficaram feridas e dessas, pelo menos duas permanecem em estado grave. 
De acordo com o Corpo de Bombeiros, o motorista do coletivo teria perdido o controle da direção, batido contra um barranco no sentido contrario da pista e capotado no trecho que faz divisa entre os municípios de Bertioga e Mogi das Cruzes. Há suspeita que o acidente tenha ocorrido porque a intensa neblina prejudicou a visibilidade da pista.  
Rodovia estava bastante escura e com neblina / Divulgação
Em comboio com outros três ônibus, o condutor seguia em direção à cidade de São Sebastião, no litoral norte paulista, levando 45 universitários de três unidades de ensino de Mogi das Cruzes, cidade da Grande São Paulo.  
Após o veículo capotar, 15 pessoas, incluindo o motorista, morreram no local dos fatos. Outra vítima faleceu depois de ser socorrida em um hospital de Bertioga. De acordo com o Bombeiros, do total de 30 feridos logo após o acidente, 18 estudantes precisaram ser encaminhados a quatro unidades hospitalares.
Já na manhã desta quinta (9), duas estudantes que foram internadas em um hospital de Guarujá não resistiram aos ferimentos e morreram. Pelo menos duas vítimas estão internadas em estado grave.  
O ônibus foi retirado da pista pouco antes das 7h da manhã desta quinta (9), e logo depois o trecho foi liberado para o tráfego. 
As causas do acidente devem ser investigadas pela Delegacia de Bertioga. 
IML / Após a demora da identificação das vítimas encaminhadas ao IML (Instituto Médico Legal), a SSP (Secretaria de Estado da Segurança Pública) emitiu uma nota afirmando ter encaminhado uma força-tarefa para agilizar o trabalho no IML do Guarujá, para onde foram encaminhados os mortos.
"A SSP informa que a Superintendência da Polícia Técnico Científica enviou uma força-tarefa ao IML do Guarujá para onde foram levadas as vítimas do acidente ocorrido no final da noite de quarta-feira (8), na Rodovia Mogi Bertioga. Já estão a caminho 3 médicos legistas, 2 fotógrafos e 3 assistentes de necropsia de São Paulo. Outros reforços sairão do núcleo de Santos. Médicos legistas do Guarujá que estavam de folga voltarão ao trabalho. A intenção é agilizar o trabalho de identificação das vítimas para amenizar o sofrimento de parentes", diz a nota da SSP.  
A Prefeitura de São Sebastião informa, em nota, que está "à disposição das famílias" um velório coletivo das vítimas que deve ser realiazado no Ginásio Esportivo Municipal de Boiçucanga. 
LUTO / O presidente interino da República Michel Temer declarou, por meio das redes sociais, estar "chocado com o acidente que vitimou tantos jovens em São Paulo". Temer também anunciou que vai se reunir com orgãos de fiscalização para evitar que se repitam tragédias como essa. 
O prefeito de São Sebastião, Ernane Primazzi, afirma em comunicado que "manifesta sua profunda consternação aos amigos e familiares dos jovens estudantes, em sua maioria trabalhadores, todos batalhadores empenhados no crescimento pessoal, e que tiveram suas vidas brutalmente ceifadas nesse infortúnio. A todos, dirigimos os nossos mais sinceros pêsames e nossas orações".
A prefeitura de Bertioga, em nota, declarou "luto pelas vítimas do acidente ocorrido na Rodovia Mogi-Bertioga".
A UMC (Universidade Mogi das Cruzes), onde estudava parte das vítimas, diz se solidarizar com os familiares dos estudantes. "A UMC lamenta profundamente o acidente ocorrido na noite de ontem na rodovia Mogi-Bertioga com um ônibus que transportava estudantes universitários. Até o momento, não há informações oficiais sobre as vítimas. Estamos acompanhando todo o trabalho de resgate. Compartilhamos a dor que toma conta de todos e nos solidarizamos com os familiares das vítimas", diz o comunicado.
A Universidade Braz Cubas, onde graduava outra parte dos estudantes, diz estar "consternada" com o acidente. "A Universidade Braz Cubas, consternada com o grave acidente ocorrido na noite de ontem, solidariza-se com os familiares das vítimas e decreta Luto Oficial, sem suspensão das atividades acadêmicas e administrativas".
OUTRO ACIDENTE / Horas depois do capotamento do ônibus dos universitários, um caminhão causou outro acidente no mesmo trecho. O veículo colidiu contra um guincho do DER (Departamento de Estradas e Rodagens) e um caminhão do Corpo de Bombeiros, que estavam trabalhando no resgate às vítimas do ônibus. 
De acordo com informações preliminares, o caminhão teria perdido o freio enquanto descia a Rodovia Mogi-Bertioga.  
Fonte: Diario de São Paulo

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga