Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » Oposição vai ao Palácio pedir apoio da força nacional


folha limoeiro 19:19:00 0


A Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) protocolou na manhã desta terça-feira (21), no Palácio do Campo das Princesas, ofício endereçado ao governador Paulo Câmara, pedindo que o Estado solicite ao Governo Federal apoio da Força Nacional para reforçar a atuação da polícia e dos agentes de segurança durante o período carnavalesco.  O ofício foi entregue pelos deputados Silvio Costa Filho (PRB), líder da Oposição; Joel da Harpa (PTN), vice-líder; Priscila Krause (DEM), Socorro Pimentel (PSL), Edilson Silva (Psol), Ossesio Silva (PRB), Augusto César (PTB) e Júlio Cavalcanti (PTB).

O pedido apresentado pela Oposição leva em consideração o aumento da criminalidade no mês de janeiro, quando foram registrados 479 assassinatos, 10.691 crimes contra ao patrimônio, 2.743 casos de violência doméstica contra a mulher e 148 estupros. Também chama a atenção da Bancada os incidentes ocorridos nesse período pré-carnavalesco, como o ataque à sede de uma empresa de segurança na madrugada desta terça-feira (21), na Zona Oeste do Recife. 

A deputada Priscila Krause lembra que a preocupação da Oposição com a segurança não vem de agora, mas o Governo vem evitado o diálogo. “O que chama a atenção é a forma truculenta que o Governo do Estado reage às sugestões da Oposição. Falta tranquilidade e serenidade para gerir uma crise. Falta acima de tudo disposição. Porque se o Governo quiser, há espaço para o diálogo e para se construir uma saída para esse problema”, avaliou a parlamentar.

De acordo com o deputado Edilson Silva, os eventos que vêm acontecendo, como o ocorrido na última madrugada, mostram o quanto Estado está impotente pra combater a criminalidade. "Nós da Oposição estamos procurando dialogar com o Governo e fazendo um apelo para que haja diálogo com as forças de segurança. Lamentamos a declaração infeliz do secretário (Gioia) questionando a legitimidade da oposição para propor soluções para a segurança pública. É muito arrogância. Esse tipo de postura do Governo, através do secretário, não é algo que ajuda, e sim atrapalha", afirmou.

Ligado à categoria de policiais e bombeiros militares, o deputado Joel da Harpa destaca a baixa adesão dos policiais ao Programa de Jornada Extra da Segurança (Pjes). “São cerca de 13 mil homens que estão desistindo de trabalhar em suas folgas, reduzindo o efetivo nas ruas. Por isso estamos chamando a atenção para a necessidade da convocação da Força Nacional”, justificou.
Líder da bancada oposicionista, o deputado Silvio Costa Filho (PRB) defende a retomada do diálogo. “O Governo está querendo ganhar na força, mas está perdendo a guerra contra a criminalidade. É preciso que se tenha a humildade de ouvir os pernambucanos, porque não é uma situação desconfortável, como disse o governador, é uma situação de descontrole da segurança", destacou.

Os parlamentares destacam que a Oposição se mantém a disposição do Governo e da sociedade pernambucana para reconstruir os canais de diálogo e buscar alternativas para tirar o Estado dessa situação. “Vamos enviar ofício também aos Ministérios da Justiça e da Defesa e informar os ministros pernambucanos sobre esse pedido, para que eles possam contribuir com o que for possível”, reforçou Silvio.


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga