Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » Gestão do Hospital Regional de Limoeiro emite nota sobre o caso do medico que veicularam em vídeo nas redes sociais


folha limoeiro 20:53:00 0


A Direção do Hospital Regional de Limoeiro, emite nota com relação ao caso do vídeo que foi veiculado por  uma parenta de uma paciente alegando que o medico estaria embragado ou tomado algo no plantão.

Na verdade o medico tem uma sequela de um TCE (trauma cranioencefálico) ocorrido em um acidente em 2013, conforme laudo medico Neurológico apresentado pelo, medico citado e apresentado no vídeo. esta sequela apenas afeta sua voz mais em momento algum afeta sua condição de clinicar como Medico ou seja não interferem sua conduta medica.

Segundo a direção a acompanhante se precipitou em veicular um vídeo onde usou a imagem indevida de um profissional em uma manobra no serviço, em uma rede social. a mesma não tinha conhecimento do fato e acabou confundindo o que viu e cometeu o erro de julgamento onde maculou a conduta de um profissional que segundo todos os demais pacientes atendido por ele e profissionais, o mesmo tem uma conduta profissional exemplar na unidade.

veja a nota do hospital bem como o laudo medico e as providencia que serão tomadaspelo medico e o pronunciamento do funcionário que estava ao lado do medico no momento do atendimento.

    NOTA DE ESCLARECIMENTO DO HOSPITAL REGIONAL LIMOEIRO

A direção do Hospital José Fernandes Salsa, em Limoeiro, vem a público declarar que as imagens veiculadas nas redes sociais feitas por familiares de uma paciente, sobre o atendimento médico do clínico geral Guilherme José de Azevedo, representam uma acusação inverídica.

O profissional, que atua como plantonista na unidade de saúde, tem disartria - um distúrbio da articulação da fala em decorrência de uma lesão neurológica grave por conta de um traumatismo craniano, que sofreu no ano de 2013, após um acidente automobilístico. A dificuldade na fala, no entanto, não interfere na sua capacidade médica e conduta profissional. Desde sua entrada no Hospital José Fernandes Salsa tem se mostrado um profissional dedicado e competente.  


O médico já recorreu ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) e irá judicializar o caso. Também já foi realizado na delegacia um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) com o relato dos fatos. A unidade de saúde repudia a conduta dos familiares que difamaram um profissional da área de saúde quando tentava realizar o atendimento da melhor forma possível, dando toda a assistência necessária à paciente. 

             Laudo emitido pelo Neuro no Hospital da restauração .


Mensagem do funcionário, Eduardo Avelino, enviada a Gestotra via Whatsapp



Entenda o que é Disartria: Disartria é uma perturbação neurológica caracterizada pela dificuldade em articular as palavras de maneira correta. Destacam-se entre as principais causas, os Acidentes Vasculares Cerebrais, os Traumatismos Cranio-Encefálicos(O Caso do Medico), algumas doenças neurológicas como a Doença de Parkinson ou a Doença de Huntington, ou algumas doenças neuromusculares progressivas como a Miastenia Gravis (MG) ou a esclerose lateral amiotrófica.
O tipo de da extensão e localização da lesão podem condicionar o tipo e a gravidade da disartria.
A intervenção de um terapeuta da fala/fonoaudiólogo pode ter efeitos positivos na melhoria da articulação ou da comunicação em geral.
                       

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga