Headlines

EDUCAÇÃO E SAÚDE

CÂMARA DE LIMOEIRO

CULTURA POLITICA E REGIÃO


Conheça Limoeiro

» » Vereadores cobram pagamento do risco de vida dos vigilantes da prefeitura de Limoeiro



Um grupo de vigilantes do quadro funcional da Prefeitura Municipal de Limoeiro (PML) acompanhou na tarde dessa terça-feira (25), a sessão ordinária da Câmara Municipal de Limoeiro. Na pauta esteve o requerimento 511/2017, de autoria do vereador Bau da Capoeira (PTB), onde solicita do governo municipal o pagamento do adicional de risco de vida dos vigilantes. De acordo com a Lei Federal 12.740, a classe profissional tem direito ao adicional no valor de 30% do salário. Atualmente, segundo os vigilantes da PML, a classe também não recebe o piso salarial da categoria, ficando o salário atrelado ao valor do mínimo (R$ 935). Ainda segundo os vigilantes, desde o ano de 2012 (último ano da primeira gestão do então prefeito Ricardo Teobaldo) o adicional foi retirado do contracheque.


O requerimento foi aprovado por unanimidade, inclusive, com associação de grande parte dos parlamentares da situação e da oposição. O documento agora segue para ciência do prefeito João Luís (PSB). “Espero que o nosso direito seja respeitado. Não queremos nada mais do que o nosso risco de vida estabelecido por lei. Não precisava essa situação virar requerimento, pois, é um direito nosso. Mas como foi retirado há quase cinco anos, acredito que a força deles (vereadores) vai nos ajudar”, comentou um vigilante, que pediu para não ser identificado. Nos minutos finais, o vereador Luís Antônio (PTB) sugeriu que os vigilantes possam ser lotados na secretaria de Trânsito, Segurança e Justiça Cidadã. De acordo com o petebista, isso facilitará com que, no futuro, os servidores possam trabalhar legalmente com armas de fogo. (Imagem | Jair Ferreira - Folha de Limoeiro)

Fonte:Blog do Agreste/Alfredo Neto

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga