Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » Pela primeira vez na historia politica de Limoeiro prefeito recebe voto de repudio, e por unanimidade da Câmara de Vereadores


folha limoeiro 22:38:00 0

















Foto e videos :Jair ferreira 

Limoeiro fez este ano 126 anos, uma cidade centenária e pautada na sua historia politica pelo regime do coronelismo a tempos atrás, onde tivemos o último dos coronéis o Francisco Heraclio (Coronel Chico), mais nem assim se viu em sua historia politica um prefeito receber um voto de repudio, muito menos por unanimidade inclusive pela bancada aliada, apenas quem não votou foi à vereadora Batalha porque esta em Brasília.

Hoje a casa Professor Agripino de Almeida, entrou e ficara marcada na historia politica de Limoeiro no dia de hoje 15/08/17 o dia em que pela primeira vez os vereadores, inclusive os da situação, aprovam um voto de repudio Contra o Prefeito do município o prefeito João Luiz Ferreira filho (PSB). O Requerimento foi de autoria do Vereador Zózimo Albuquerque (PRP), Vereador da base aliada.

O voto de repudio se deu por conta de um áudio colocado nas redes sócias (Whatsapp), publicamente pelo próprio prefeito João Luiz, onde o mesmo fala que os vereadores deveriam defender o prefeito e a prefeitura, e que tinha neguinho usando a tribuna pra fala besteira além de mais coisa que vocês ouviram no áudio a seguir.

Em decorrência deste áudio acabou gerando um mal estar entre os pares daquela casa que em resposta ao prefeito, colocou-se em votação o requerimento de Nº594/2017 de autoria de Zózimo Albuquerque, o voto de repudio ao prefeito Joao Luiz Ferreira Filho, pelo áudio publicado ofendendo o poder legislativo publicamente.

Colocaremos para que todos entendam o que aconteceu desde o principio em áudio e vídeo e o voto dos vereadores. O Vereador José Higino, que faz parte da base aliada, foi à tribuna em sessão anterior, cobrar do executivo uma resposta aos seus requerimentos e dos outros vereadores que não eram respondidos pelo executivo, mais dentro de uma normalidade e serenidade com muita ética naquele momento em que fez a cobrança.

A assessoria de imprensa ao ser indagada pelo companheiro Alfredo Neto se a se a prefeitura iria se pronunciar, a secretaria de imprensa mandou a seguinte Nota veja como tudo começou.

Pergunta Alfredo Neto: “Lucas, bom dia. Na reunião da Câmara de Vereadores foi aprovado um requerimento por unanimidade, cobrando da Prefeitura de Limoeiro as respostas dos requerimentos. São mais de 6 meses de legislatura e os vereadores alegam que estão sem retorno. Verifica se a prefeitura vai se manifestar sobre o assunto. Estou fechando a matéria na tarde de hoje. Agradeço!!”.

Responde Lucas Chagas: “Alfredo, a gestão municipal só veio receber os requerimentos aproximadamente 60 dias após o início do período legislativo, que se deu em 1° de fevereiro. Apesar do acúmulo, dezenas deles já foram respondidos pelos secretários de suas respectivas pastas. As atuais pendências se devem ao atraso no envio pela Câmara Municipal. Os requerimentos que ainda não foram respondidos estão sendo analisados e serão respondidos.”.


Em seguida os vereadores e a Mesa Diretora, reagiram com entrevista negando que o legislativo estaria em atraso com seus requerimentos foi ai que o Gestou gravou o seguinte Áudio que levou aos vereadores colocarem o voto de repudio ao prefeito inclusive sendo aprovado por todos os vereadores da base escutem o áudio. 


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga