Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » Tadeu: “Corte de 98% na assistência social é agressão de Temer à cidadania brasileira”


folha limoeiro 18:56:00 0


Recife - O deputado federal Tadeu Alencar (PSB) irá propor, na próxima semana, uma agenda da bancada federal pernambucana com representantes de movimentos sociais que se reuniram na tarde desta quinta-feira (28), em frente à Assembleia Legislativa de Pernambuco, para protestar contra a peça orçamentária do Governo Federal que retira 98,05% de recursos voltados para o Serviço Único de Assistência Social (SUAS).

Em discurso durante o ato, promovido pela Frente Pernambucana em Defesa do Sistema Único de Saúde (SUAS), Tadeu classificou a atitude do Governo Temer de agressão à cidadania e disse que vai estimular a bancada pernambucana a combater este corte de quase 100% no orçamento da assistência social brasileira.
“Eu quero propor aqui que nos organizemos para termos, já na semana que vem, uma reunião com a bancada federal de Pernambuco. Quero combinar com a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, e aqueles que estão à frente deste movimento, para que façamos todas as lutas que precisarem ser feitas, junto à Comissão de Orçamento, junto à bancada federal, para que a gente possa evitar esse descalabro, esse corte de 98% de um orçamento que protege as famílias, os mais vulneráveis”, convocou o parlamentar.

A redução de 98,05% dos recursos que mantém a atual rede de serviços e programas sociais representaria, só em Pernambuco, o fechamento de 326 Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e 425 Espaços de Promoção de Convivência de Vínculos, que atendem a mais de 100 mil pessoas diretamente, além de 158 Centros de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), 8 Centros Especializado para população em situação de rua (POP), além do atendimento ao Programa Bolsa Família, que beneficia  1.121.854 famílias do Estado.

Ainda na sua fala, Tadeu classificou de deboche que uma ofensiva desta ao Sistema SUAS seja feita no mesmo momento em que se discute no Congresso Nacional a aprovação do perdão de dívidas bilionárias de grandes devedores da União – dentro do Refinanciamento de Dívidas Tributárias, o REFIS.  

“O Sistema Único de Assistência Social não é uma conquista de nenhum partido. É uma conquista do povo brasileiro, do povo nordestino. Por isto, esta é uma luta que deve unir a todos, para além dos partidos, é uma luta da cidadania brasileira”, concluiu.

Crédito da foto: Assessoria de imprensa/divulgação
Informações para a imprensa:
Flávio Moraes / Lara Ximenes

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga