Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » Assembleia reverencia centenário de nascimento do empresário Paulo Petribú


folha limoeiro 23:16:00 0

Por iniciativa do deputado estadual José Humberto (PTB), a Assembleia Legislativa de Pernambuco realizou no dia de ontem (24) uma solenidade em comemoração ao centenário de nascimento do empresário pernambucano e industrial do setor sucroalcooleiro Paulo Pessoa Cavalcanti de Petribú.


Nascido em 1917, Paulo assumiu a direção da Usina Petribu, localizada em Lagoa de Itaenga (Mata Norte), aos 36 anos, e a transformou numa das mais importantes do Estado. Nos últimos anos, o complexo industrial cresceu com a aquisição da Usina São José, após transação realizada com o Grupo Votorantim.

José Humberto Cavalcanti destacou que, ao reverenciar Paulo Petribú, a Casa homenageia todo o setor sucroalcooleiro e a indústria de Pernambuco de modo geral. “Paulo foi um empresário de sucesso no momento em que o segmento estava declinando. Com a sua garra, competência e força de trabalho, ele conseguiu crescer”, afirmou.

Jorge e Frederico Petribú, respectivamente filho e neto do homenageado, falaram durante a solenidade. “Fico muito lisonjeado e orgulhoso. Ele foi uma pessoa muito importante para a economia açucareira do Estado, trabalhou sempre com ética e honestidade e deu um exemplo de tenacidade”, elogiou Jorge, que preside o Conselho de Administração do Grupo Petribú.


“Meu avô empreendeu bastante na Zona da Mata e fez a diferença para todos os pernambucanos, gerando emprego e arrecadação tributária. Ele conseguiu, por meio das empresas que criou, modificar o panorama daquela região”, frisou Frederico, diretor-presidente do Grupo Cavalcanti Petribú.

Paulo Petribú faleceu em julho de 2007, aos 90 anos. Ainda na Reunião Solene, a poetisa Mariana Teles, de Tuparetama, se destacou declamando versos em homenagem ao industrial e retratando o cenário político atual, sendo aplaudida de pé pelos presentes.
Segue o poema de Mariana Teles:

“Essa casa que é a ressonância
Voz de todos irmãos pernambucanos,
Hoje é palco que presta reverência
À uma história que é viva em muitos planos!
São cem anos de Paulo Petribú,
Que o estado (do norte à mata sul)
Fortalece esse eco de verdade,
Pernambuco maior, Paulo sonhou!
E hoje nós aplaudimos com  louvor
O legado de Paulo Petribú.


Muito além do império edificado
Paulo foi uma usina de decência!
Produzindo o progresso com trabalho,
Com coragem, respeito e competência
Uma história nos filhos projetada
Trajetória do bem eternizada
Que o estado adotou por referência.

Do engenho do pai, surge o começo.
De Joao para Paulo, o progresso
Pernambuco gerou vários empregos
E quando a mata rompeu o retrocesso
São José desenhou novo capitulo,
E Petribú foi a marca e é o título
Que garante a certeza do sucesso.

O amor pela terra fez que os olhos
Vissem mais do que ela produzia
E dos antigos engenhos às usinas
De vanguarda com tecnologia,
Pernambuco avançando a grandes passos
Da essência da cana a os bagaços,
A usina gerou cidadania!

A audácia aliada à liderança
Fez de Paulo bem mais que sucessor,
O espírito de um gênio idealista
Encontrando um olhar empreendedor
Foi além das primeiras projeções
E eterniza nas novas gerações
O legado de pai e de avô.

São cem anos de um gênio iluminado
Que ao estado gerou cidadania
A história é presente e continua
No legado que a prole vivencia
Paulo foi, Paulo é, Paulo vai ser!
O sinônimo do verbo empreender
Que inspira milhares todo dia”.


Foto: Kerol Correia

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga