Select Menu
Select Menu
Image and video hosting by TinyPic

Noticias de ultima horas

Cidade

Noticias da Região

EDUCAÇÃO E SAUDE

CULTURA E ESPORTE

Mundo e Brasil

Estado

Politica

CÂMARA DE VEREADORES DE LIMOEIRO

» » » Kalouv anuncia novo disco, show de lançamento no festival No Ar Coquetel Molotov e disponibiliza a primeira faixa do álbum.


folha limoeiro 00:32:00 0



(capa por Thais Jacoponi)​


Grupo pernambucano arrecadou 124% em financiamento coletivo, Pedra Bruta abre o disco.

No dia 18 de outubro, o público da banda instrumental Kalouv vai poder conferir em todas as plataformas streaming o disco Elã, fruto de uma imersão no Sítio Santa Fé, em Carpina, interior de Pernambuco, que disponibiliza hoje a faixa Pedra Bruta. Formado em 2010, o quinteto mergulhou nas composições do álbum entre dezembro de 2016 e março deste ano e depois apostou em um financiamento coletivo que resultou em mais de 100% de arrecadação. O show de lançamento já tem data, será no festival No Ar Coquetel Molotov, dia 21 de outubro, no Caxanga Golf Club.

Elã é o terceiro disco da Kalouv que é formada pelos pernambucanos Basílio Queiroz (baixo), Bruno Saraiva (teclado), Saulo Mesquita (guitarra), Túlio Albuquerque (guitarra) e pelo carioca Rennar Pires (bateria), que também vive no Recife. Gravado em abril de 2017 no Estúdio Casona (Jaboatão dos Guararapes/PE), o álbum foi guiado por Bruno Giorgi, um dos mais promissores produtores musicais da nova geração. Ele está por trás de discos como Levaguiã Terê, de Vitor Araújo, Chão e Carbono de Lenine, além de trabalhos com Posada, Baleia e Rua. Bruno produziu Elã, além de ser responsável por toda a parte de engenharia de som (gravação, mixagem e masterização).

A capa do disco foi criada pela designer paulistana Thais Jacoponi, que também assina todo o material de merchan relacionado ao álbum, que fez parte da campanha de financiamento coletivo chamada de "Construindo Elã", como camisetas, ecobags, eco copos, bottons e adesivos. 289 pessoas de 18 estados do Brasil participaram dessa construção que resultou em 124% de arrecadação.

Pedra Bruta - para ouvir, clique aqui.

Pedra Bruta foi a faixa escolhida para abrir o disco, pois é uma das mais intensas e que possui a mensagem mais direta. A composição é toda guiada por um riff com muita influência de música oriental, que começa na guitarra e teclado e chega ao final junto com as vozes gravadas lindamente por Sofia Freire, cantora, compositora e pianista do Recife. A participação dá um toque novo e especial ao trabalho e deriva muito da criação de Sofia no disco “Garimpo”, lançado em 2015, por ela brincar bastante com harmonias e efeitos vocais. É a primeira vez também que a banda usa palmas como elemento percussivo. Elas acompanham todo o desfecho da canção. Já o nome da faixa é atribuído ao processo criativo, pois a música foi criada a partir de uma longa e antiga composição que o grupo tocava nos shows de 2016. Inclusive, essa composição também deu vida a outra música do álbum, Escultor, que acabou tomando um caminho diferente de Pedra Bruta.


Sobre Kalouv


Formado em 2010, o grupo já se apresentou em diversos palcos no país e em eventos importantes como Abril pro Rock, Festival de Inverno de Garanhuns, Prata da Casa (Sesc Pompeia), Festival Dosol, Play the Movie (Coquetel Molotov) e Contemporâneos (Caixa Cultural).

Foram dois álbuns lançados até aqui: Sky Swimmer (2011) e Pluvero (2014). Ambos muito bem recebidos pela crítica especializada, figurando em diversas das tradicionais listas de fim de ano. Em 2016, a Kalouv lançou o compacto Planar Sobre Invisível, com faixas gravadas dentro do projeto Converse Rubber Tracks em São Paulo. Além disso, apresentou o clipe da canção “Peixe Voador”, feito na cidade de Natal/RN. Ambos os materiais tiveram bom reconhecimento da imprensa e público, rendendo 36 shows em 19 cidades ao longo do ano.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga