Headlines

EDUCAÇÃO E SAÚDE

CÂMARA DE LIMOEIRO

CULTURA POLITICA E REGIÃO


» » A 9ª Sessão da Câmara de vereadores de Limoeiro foi uma sessão marcada pela falta de seu assessor Jurídico e discursos duros pela oposição

Nesta Segunda feira(19), aconteceu a 9ª (nona) sessão ordinária da casa professor Agripino de Almeida. Sessão esta que era pra ter acontecido semana passada, mais não aconteceu em virtude do trágico falecimento do Dr. Osvaldo Roza Filho, assessor jurídico da câmara de Vereadores de Limoeiro.

Há principio a reunião iniciou com uma homenagem simbólica prestada pelo presidente, Juarez Antonio(DEM), que pediu que todos ficassem de pé para que fosse respeitado um minuto de Silencio em homenagem ao jovem advogado.

Após o minuto de silencio respeitado, o presidente deu início à sessão, que após ser lida e aprovada  à ata anterior,  foram lidos e  os requerimentos dos pares daquela casa. Os cincos minutos finais foram marcados por discursos de pesar por parte de alguns vereadores  a família enlutada de Dr. Osvaldo Rosa Junior e também por algumas critica ao governo do estado por parte de vereadores da oposição, e alfinetada por conta da forma que se encontra o relacionamento entre os pares daquela casa.

O vereador Marcos Sergio(PSD), usou os seus cincos minutos finais para fazer um manifesto de apoio com a solidariedade de outros vereadores, em favor do colega Severino Alexandre de Aguiar (Cicil de Salobro), com relação aos últimos acontecimentos no dia 02/03 no final da 7ª (sétima) sessão do primeiro período de 2018, onde o mesmo foi hostilizado por um grupo de funcionários contratados que agrediram verbalmente como mostra um vídeo que rodou nas redes sociais, inclusive com a presença de vereadores entre o grupo.

A reunião não teve a totalidade dos quinzes vereadores, porque os vereadores, Jairo do Cedro(PSB) e do Vereador Zózimo (PRB) não vieram a sessão por motivos particulares. Já o vereador Jose Higino a principio bastante emocionado, já que Dr. Osvaldo Rosa Junior, era seu primo legitimo e ele cresceu juntamente com ele apesar dele ser mais velho que o mesmo. Mais após as condolências a família enlutada, fez questão de esclarecer o porquê de não ter ainda iniciado a CPI. Segundo o presidente da CPI o início ainda não se deu por falta da promulgação da mesma pelo presidente, fato confirmado pelo presidente Juarez Antonio.  

E fez questão de deixar claro que não é a oposição que esta blefando e não esta fazendo corpo mole, pelo contrario mesmo não tendo iniciado ainda, tem trabalhado muito, inclusive com uma visita ao inspetor do Tribunal de Conta de Pernambuco, em Surubim. “Afinal fomos nós  vereadores da Oposição que pedimos a CPI, porque teríamos interesse em que ela não acontecesse talvez e seja ao contrario”disse o ver Marcos Sergio.


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga