Headlines

EDUCAÇÃO E SAÚDE

CÂMARA DE LIMOEIRO

CULTURA POLITICA E REGIÃO


Conheça Limoeiro

» » Pernambuco lança navio de maior valor agregado já produzido no Brasil




Governador Paulo Câmara participou, nesta sexta, da solenidade de entrega do Skandi Recife, 
que contou com mão de obra pernambucana na sua produção, no Estaleiro Vard Promar 

O governador Paulo Câmara participou, nesta sexta-feira (27.04), do lançamento do navio Skandi Recife, produzido pelo Estaleiro Vard Promar, localizado na Ilha de Tatuoca, no município de Ipojuca. A embarcação, que recebeu um investimento de R$ 1 bilhão e contou com 1.100 colaboradores na produção do equipamento, dentre os quais pernambucanos, irá operar em águas brasileiras quando entregue à DOFCOM Navegação, nos próximos meses. Com um alto valor agregado de tecnologia, atingindo padrões internacionais, o Skandi Recife é o primeiro do tipo PLSV (Pipe Laying Support Vessel) produzido no Estaleiro Vard Promar.

“Eu tive a oportunidade de ver esse estaleiro nascer aqui em Pernambuco e iniciar essa história do Vard Promar, que, hoje, entrega um navio de alta tecnologia feito em solo pernambucano e por pernambucanos. Sei da importância dessa indústria naval para Pernambuco, como ela atrai empregos, com ela faz diferença na vida de tanta gente. E a gente sabe que a mão de obra que se dedica, todo dia, a fazer e construir os navios para o grupo Vard Promar é composta por pernambucanos que estudaram e se capacitaram e, hoje, estão prontos e preparados para um futuro cada vez mais competitivo e fazendo navios que atingiram um padrão internacional”, afirmou o governador Paulo Câmara.

Paulo também registrou que, mesmo diante da crise e das dificuldades por que passa o País, o Governo de Pernambuco lutará, junto com todos que fazem o Estaleiro Vard Promar e os outros estaleiros instalados em Pernambuco, pela consolidação polo naval. “Vamos trabalhar para que as encomendas continuem, para que a nossa produção foque no conteúdo local e que essa mão de obra preparada aqui de Pernambuco continue a ser referência para todo o Brasil. Dessa forma, tenho certeza de que vamos ter êxitos para que o Vard Promar continue a sua trajetória de fazer navios de alta qualidade com produtividade”, completou.

Com um porte médio de 140 metros (m) de comprimento e 28m de largura, o Skandi Recife faz o lançamento das linhas flexíveis que conectam os poços às linhas de produção de petróleo. Responsável pela encomenda da embarcação, a DOFCOM Navegação é a união de duas empresas – DOF e TechnipFMC - e tem como cliente final a Petrobras.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, André Gustavo, avaliou o momento como de alegria e orgulho. “É a consolidação de um investimento que é feito aqui, da parceria do setor público com o setor privado, dos empregos que foram criados em função desse esforço feito no passado. Então, é muito importante. É de dar orgulho poder ver tantos trabalhadores capacitados para trabalhar nesse processo e a geração de renda para a economia”, comemorou. Para o presidente do Porto de Suape, Marcos Baptista, a embarcação se destaca, sobretudo, pela tecnologia de que ela dispõe. “É um navio que tem um valor maior porque tem mais tecnologia, oferecendo uma maior sofisticação”, afirmou.

O vice-presidente sênior de operações do Vard Promar, Ian Bronsten, pontuou que, mesmo com o setor naval ainda incipiente no Brasil, os trabalhadores do estaleiro entregaram um produto de alta qualidade. “Foi um excelente trabalho realizado. A construção naval no Brasil ainda é desafiadora, mas o Vard Promar trabalhará para encontrar novos trabalhos”, disse. Reforçando o que afirmou Ian, o vice-presidente sênior do Brasil, Guilherme Coelho, também exaltou a qualidade do Skandi Recife, ressaltando a complexidade da embarcação. “Entregamos o navio mais complexo e de maior valor agregado produzido no Brasil. Não há um outro lugar no País que possa produzir um navio como esse”, garantiu Guilherme.

Ter contribuído na construção do Skandi Recife foi satisfatório para o soldador naval Manoel Campos, de 46 anos. “Eu fico agradecido. Foi uma tremenda oportunidade que tivemos de esses dois estaleiros (Vard Promar e Atlântico Sul) se instalaram aqui em Pernambuco e trouxeram vários empregos para os pernambucanos. Isso veio para aliviar o desemprego que existia aqui no Estado”, avaliou Manoel, que trabalha há 5 anos no Vard Promar.

Também estiveram presentes no lançamento do Skandi Recife os diretores do Vard Promar Marcelo Silva, Wanderley Marques e Ronaldo Gouveia; o capitão dos portos, comandante Bravo; e o comandante Uchôa, comandante do navio.

Fotos: Aluisio Moreira/SEI


«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply